Quem convive muito com crianças

Quem convive muito com crianças descobre que nenhuma acção externa sobre elas permanece sem uma acção recíproca.
(Goethe)