Para quem não bastava o mundo inteiro

Um túmulo basta agora àquele para quem não bastava o mundo inteiro.

(epitáfio de Alexandre Magno)