O homem erudito é um descobridor de factos

O homem erudito é um descobridor de factos que já existem, mas o homem sábio é um criador de valores que não existem e que ele faz existir.
(Einstein)